Dicas de pós-instalação do openSUSE Leap 15

O openSUSE é uma das distribuições GNU/LINUX mais populares do mundo, conhecida como a versão da comunidade do SUSE Linux Enterprise, uma distribuição corporativa. Também é conhecido por sua facilidade de uso, grande espírito de comunidade e pelo YaST, que é um centro de controle onde você pode executar muitas tarefas que, em outras distribuições GNU/LINUX, seriam feitas com o terminal, aproximando-o de usuários menos experientes.

Será escrito nesse post dicas para se fazer depois de instalar o openSUSE Leap 15.

A primeira coisa que devemos fazer quando instalamos o openSUSE pela primeira vez é atualizar o sistema. Lembre-se de que, desde o momento em que uma versão é lançada até a instalação, é provável que correções de segurança tenham sido liberadas, por isso é aconselhável atualizá-la. Primeiro, devemos atualizar o cache dos repositórios e, em seguida, solicitamos a atualização.

1- Atualize os repositórios

sudo zypper refresh

Obs.: Após adicionar um repositório ou quando um repositório se tornar desatualizado, ele precisa ser atualizado. Isto significa baixar os metadados dos pacotes do repositório e pré processar os dados em um cache .solv para uma rápida leitura.

2. Atualize o sistema

sudo zypper update

ou digite:

sudo zypper up

Obs.: pode ser que existem aplicativos que exigem uma reinicialização do sistema.

3. Mostrar os botões minimizar e maximizar na barra de título das janelas

No Gnome por padrão, os botões Maximizar e Minimizar vem removidos. Para alcançar nosso objetivo, precisamos ter o Gnome Tweak Tool instalado. Caso você não tenha instalado, podemos fazê-lo com o seguinte comando:

sudo zypper install gnome-tweak-tool

Agora entre em Atividades/Utilitários e procure por Ajustes.

Gnome Tweak Tool 1

Depois de iniciar o programa, no lado esquerdo, clique em Janelas.

Gnome Tweak Tool 2

E na seção Botões da barra de título, temos a opção de adicionar os botões Maximizar e Minimizar.

Gnome Tweak Tool 3

4. Habilitar o repositório Packman

O Packman oferece vários pacotes adicionais para o openSUSE, especialmente mas não limitado a aplicativos e bibliotecas relacionados a multimídia.

Ir em Atividades e procure por YaST, no lado esquerdo do programa clique em Software e depois em Repositórios de software.

Yast 1

Clique em Adicionar.

Yast 2

Selecione Repositórios da comunidade e depois clique em Próximo.

Yast 3

Selecione Packman Repository e depois clique em OK.

Yast 4

Aparecerá uma tela para adicionar a chave, então clicar em Sim, então irá começar a adicionar o repositório, ele não irá pular o aviso se quisermos confiar para adicionar a chave gnuPG ao repositório. Clicamos em Confiança (Trust) e quando terminamos, temos o repositório adicionado às nossas fontes.

5. Instalando codecs multimídia

Devido a questões legais, patentes de softwares e direitos autorais, o openSUSE não oferece suporte a codecs proprietários como o MP4, AAC, WMA e outros nos repositórios oficiais, com exceção ao suporte à decodificação de MP3 que está incluído.

Muitos codecs de multimídia não são incluídos por padrão em uma instalação do OpenSUSE devido a problemas de licenciamento, então você precisa instalá-los manualmente, para isso, digite o comando:

sudo zypper in libdvdcss2 libxine2-codecs libxine2-pulse lame gstreamer-0_10-plugins-ffmpeg gstreamer-0_10-plugins-bad gstreamer-0_10-plugins-ugly gstreamer-0_10-plugins-ugly-orig-addon totem-browser-plugin gstreamer-0_10-plugins-good libxine2 libdvdplay0 libdvdread4 libdvdnav4 libmad0 libavutil51 sox libxvidcore4 xvidcore libavcodec52 libavdevice52 libvlc5 totem-plugins nautilus-totem lsb pullin-flash-player vlc-codecs gstreamer-0_10-fluendo-mp3 gstreamer-0_10-plugins-fluendo_mpegdemux gstreamer-0_10-plugins-fluendo_mpegmux gstreamer-0_10-plugins-base gstreamer-0_10-plugins-good-extra libquicktime0 gstreamer-0_10-plugins-bad-orig-addon

 

Leia também:

Como usar corretamente o Zypper.

openSUSE: Formatos restritos.

Até a próxima!

Dicas de pós-instalação do Kubuntu 18.04

Estão aqui nesse post algumas dicas do que fazer após instalar o Kubuntu 18.04. Estes procedimentos não são obrigatórios, porém, podem melhorar a experiência de uso do seu sistema.

1) Atualização do Sistema pela primeira vez:

sudo apt update
sudo apt upgrade

Discover

Também pode atualizar o Kubuntu 18.04 pelo Discover como na imagem abaixo, e repare que inclusive tem atualização de Kernel.

Discover 2

2) Codecs de Áudio e Vídeo:

sudo apt install kubuntu-restricted-addons kubuntu-restricted-extras

Obs.optar por não instalar as fontes MS.

3) Compactadores:

sudo apt install unace rar unrar p7zip-full p7zip-rar arj

4) Softwares Adicionais (vlc + gimp):

sudo apt install vlc gimp gimp-data-extras gimp-plugin-registry

5) Diminuir as animações: Para deixar o Kubuntu 18.04 mais fluído, ou seja, mais rápido nas ações:

  • Ir no Menu/Aplicativos/Configurações/Configurações do Sistema e em Tela e Monitor/Compositor/Velocidade de animação, deixar na segunda barra. E em Método de escala: Rígido.

Compositor

6) Menu de Aplicativos: Para uma melhor compreensão dos nomes dos aplicativos no menu do Kubuntu 18.04 faça a seguinte mudança:

  • Clique com o botão direito do mouse no ícone do menu e clicar em Configurações de Menu de Aplicativos. Em Mostrar os aplicativos como: Apenas a descrição.

Menu de Aplicativos

7) Bloquear os Widgets no Painel: Para travar os widgets e não correr o risco de perder a configuração do seu painel e tirar algum componente faça o seguinte:

  • Clicar com o botão direito do mouse nas três barras horizontais que fica do lado direito do painel e clicar em Bloquear os widgets.
  • Para desbloquear basta clicar com o botão direito do mouse no painel ou na área de trabalho e clicar em Desbloquear widgets.

8) Ativação do duplo clique do mouse: No Kubuntu 18.04 geralmente essa função vem ativa mas no KDE Neon não, para isso, faça o seguinte:

  • Ir em Configurações do Sistema/Dispositivos de Entrada/Mouse, selecionar: clique duplo para abrir arquivos e pastas.

Screenshot 1

9) Desativar o recurso de Restauração da sessão anterior: Serve para quando reiniciar o sistema se inicie com uma sessão vazia:

  • Ir em Configurações do sistema/Inicialização e Desligamento/Sessão do Desktop, selecionar: Iniciar com uma sessão vazia.

Screenshot 1

10) Desativar a Tela de Apresentação:

  • Ir em Configurações/Aparência/Tema do espaço de Trabalho/Tela de Apresentação: escolher Nenhum.

Obs.: As dicas de configurações também podem ser aplicadas no KDE neon.

Até a próxima!

Instalando codecs multimídia no Fedora 28

Será mostrado nesse post como instalar os codecs de mídia de formatos MP3, MP4 e AVI no Fedora 28, testes feitos no Fedora 28 Workstation (Gnome).

Nota: O MP3 é atualmente o formato mais utilizado para a compressão de música em formato lossy e é amplamente suportado entre os tocadores de música. Por vários anos, devido às questões legais relacionadas à implementação do suporte a MP3, o Fedora não conseguiu incluí-lo.

No entanto, a partir de 03-05-2017, o Fedora passou a incluir descodificação de MP3 e a funcionalidade de codificação.

Instalando no Fedora 28 Gnome

No Fedora 28 Gnome não é preciso instalar o pacote MP3, já vem instalado por padrão, mas os pacotes MP4 e AVI é necessário instalar, mas para isso é preciso habilitar os repositórios RPM Fusion.

Para habilitar o RPM Fusion basta então digitar o seguinte comando:

sudo dnf install https://download1.rpmfusion.org/free/fedora/rpmfusion-free-release-$(rpm -E %fedora).noarch.rpm https://download1.rpmfusion.org/nonfree/fedora/rpmfusion-nonfree-release-$(rpm -E %fedora).noarch.rpm

Após habilitar os repositórios RPM Fusion, rode o comando abaixo para uma atualização e para manter atualizado os seus pacotes:

sudo dnf update

Para garantir as mudanças reinicie o Fedora.

Ao clicar no arquivo MP4 e abrir o Vídeos (Reprodutor de vídeos) será mostrado a mensagem da imagem abaixo, “Decodificador MPEG-4 AAc, Decodificador H.264 são necessários para reproduzir o arquivo, mas não estão instalados”.

Totem 1

Ao clicar em Localizar em Programas, será direcionado para Programas (Gnome Software) que mostrará 4 programas para ser instalados, veja na imagem abaixo, é só clicar em Instalar e aguardar.

Totem 2

Agora, feche o aplicativo Vídeos e abra novamente e desta vez o arquivo MP4 rodará normalmente e você poderá ver os seus vídeos.

Verificando seus codecs multimídia instalados.

Em Programas (Gnome Software) é possível verificar quais os codecs estão instalados, clique em Complementos e depois na aba Codecs, veja:

Gnome Software 1

Obs.: Essa dica foi para o Fedora 28 Gnome, para as versões com KDE, Mate, etc., foi preciso instalar os demais codecs de mídia.

Fontes:

Wiki Fedora.

Até a próxima!

Instalando o Fedy no Fedora 28

FEDY (anteriormente chamada de Fedora Utils) é uma ferramenta de pós instalação para o Fedora. Ela permite instalar vários pacotes que normalmente não estão disponíveis nos repositórios oficiais do Fedora, tais como o Adobe Flash, o Java da Oracle, Atom, Brackets e muitos outros, bem como alguns ajustes, como uma melhor renderização de fonte ou a limpeza do lixo.

Como usar o Fedy

Na aba de Apps estarão os programas básicos que são usados comumente como navegadores (Google Chrome, Brave Browser), programas de redes sociais e utilitários.

Fedy 1

Na aba Development Tools, é aplicada àqueles profissionais da área de desenvolvimento de software ou estudantes de programação. Ela contém as principais IDE’s das mais diversas linguagens, assim como seus respectivos compiladores.

Fedy 2

A aba Themes é para a escolha de temas adicionais para o sistema, ícones e cursores.

Fedy 3

Na aba Tweaks, o programa apresenta configurações que você teria que realizar manualmente, porém ele faz automaticamente pra você.

Fedy 4

Na aba Utilities, são disponibilizados programas de raiz não livre e que também podem ser baixados gratuitamente. Também estão listadas as fontes da Microsoft (Times New Roman e Arial), codecs multimídia assim como a Flash Player da Adobe.

Fedy 5

Fontes:

Fedy.

Até a próxima!