Instalando o Fresh Player Plugin no Ubuntu

Fresh Player Plugin é um wrapper que permite que os usuários do Linux possam utilizar o Pepper Flash do Google Chrome no Firefox, Opera e outros navegadores compatíveis com NPAPI, para poder usar um Flash atualizado no Linux.

Como você provavelmente já deve saber, as últimas versões do Adobe Flash Player para Linux só estão disponíveis via Google Chrome (pois é empacotado junto com ele), enquanto outros navegadores, como o Firefox, estão presos a uma antiga versão 11.x, ou seja, nada de Flash atualizado para esses navegadores.

O que acontece é que o plug-in Adobe Flash Player que vem empacotado com o Google Chrome está na forma de um plugin PPAPI (ou Pepper Plugin API) e a Fundação Mozilla não está interessada em adicionar o suporte para ele. Por conta dessa dificuldade, Rinat Ibragimov desenvolveu o Fresh Player Plugin, uma interface que permite que os usuários do Linux possam utilizar o Pepper Flash do Google Chrome no Firefox e em outros navegadores compatíveis.

Agora, uma nova versão Fresh Player Plugin foi lançada recentemente, trazendo várias melhorias e novas funcionalidades. A mudança mais importante nesta versão é, obviamente, a implementação da interface Flash DRM, no entanto, o Pepper Flash que é empacotado com o Google Chrome tem o código relacionado ao DRM desabilitado no Linux.

De acordo como o site WebUpd8 (que testou o Fresh Player Plugin com o Firefox por meses) praticamente tudo funciona, embora só tenha testado em alguns sites com Flash. Vale lembrar que de acordo com a sua página GitHub, o Fresh Player Plugin “funciona na maior parte, mas algumas APIs essenciais estão para ser implementadas”, por isso, ele pode não funcionar com alguns websites. Ainda assim, só em poder usar o Flash atualizado, já vale a pena instalar o programa.

Obs.: Antes de instalar o Fresh Player Plugin, desinstale qualquer outra versão do Flash que tenha no seus sistema. E se você ainda não tem o Chrome no seu sistema, use o tutorial abaixo.

Como instalar o Fresh Player Plugin e ter o Flash atualizado no Linux Ubuntu e seus derivados.

Para instalar o Fresh Player Plugin e ter o Flash atualizado, você deve fazer o seguinte:

Passo 1. Abra um terminal (no Unity use as teclas CTRL + ALT + T);

Passo 2. Se ainda não tiver, adicione o repositório do programa com este comando:

sudo add-apt-repository ppa:nilarimogard/webupd8

Passo 3. Atualize o gerenciador de pacotes com o comando:

sudo apt-get update

Passo 4. Agora use o comando abaixo para instalar o programa;

sudo apt-get install freshplayerplugin

Passo 5. Abra o Firefox, digite no campo de endereço about:plugins e tecle enter, para conferir se o plugin está instalado;

flash-no-firefox

Passo 6. Para testar, feche o navegador e abra ele novamente, finalmente, acesse esse link.

flash-instalado

Se você tiver alguma dificuldade, feche o Firefox, execute o comando abaixo em um terminal, abra o navegador e teste novamente:

sudo ln -sf /opt/google/chrome/PepperFlash/libpepflashplayer.so /usr/lib/mozilla/plugins/libpepflashplayer.so

Fonte: Blog do Edivaldo.

Até a pŕoxima!

 

 

Instalação do Windows 10 e Ubuntu 14.04 com UEFI

Este artigo detalhado mostra como instalar o Windows em dual boot com Ubuntu, passo-a-passo, acompanhado com as imagens apropriadas.

Os sistemas mais recentes que vêm com o Windows 8 ou Windows 8.1, tem UEFI em vez do BIOS. Esses sistemas tem uma diferença da forma convencional de dual boot. Neste tutorial, vamos ver como instalar o Ubuntu Linux em modo dual boot com o Windows 10, 8 ou o Windows 8.1.

Este tutorial é realizada em um Dell Inspiron 7437 que tem processador Core i7, 256 GB SSD, 8 GB de RAM e Video Intel. Vamos cobrir todos os passos que você precisa fazer para ter sucesso em Linux dual boot com o Windows 8 UEFI.

As etapas mencionadas aqui são aplicáveis a outras distribuições Linux baseadas no Ubuntu como o Linux Mint, Elementary OS etc.

Dual boot Ubuntu 14.04 com o Windows 10 e Windows 8:

Apesar de ter sido usado o Ubuntu 14.04 aqui, é aplicável a todas as versões do Ubuntu, seja Ubuntu 15.10 ou Ubuntu 16.04. Existem vários pré-requisitos para instalar o Ubuntu em um sistema UEFI. Vamos vê-los um por um:

Passo 1: Faça um backup [opcional].

É sempre bom fazer um back-up, apenas no caso, se você mexer com o sistema. Existem inúmeros artigos sobre na web para mostrar-lhe como fazer backup de seu sistema.

Passo 2: Criar um Pendrive USB / disco do Ubuntu.

A próxima coisa que você precisa fazer é criar um Pendrive USB ou disco. Eu recomendo Universal USB Installer para criar um Pendrive USB de Linux no Windows.

Leia este tutorial tela para aprender como criar um USB ao vivo de Ubuntu Linux no Windows 8 .

 

Antes de executar uma instalação de inicialização Dual Boot, você deve fazer as seguintes alterações no Windows:
  1. Desative a opção “Inicialização Rápida” (no Windows 8 ou posterior) visitando Painel de Controle > Opções de EnergiaAlterar o funcionamento dos botões de energia, feito isso, clique em Alterar configurações não disponíveis no momento e desmarque a opção “Ligar inicialização rápida“, após, salve as alterações;
  2. Desligue qualquer criptografia;
  3. Faça a Desfragmentação da partição onde está o Windows ou da partição que irá redimensionar para instalar o Ubuntu. O Windows já vem com uma ferramenta de desfragmentação, sendo desnecessária a instalação de outros programas.
  4. Desativar o Modo de Hibernação.

Passo 3: Faça uma partição onde Ubuntu será instalado.

Assumindo você tem um sistema novo, a primeira coisa que precisamos é fazer uma partição para instalar o Ubuntu. O Disco com 256 GB no sistema já foi dividido em várias partições do fabricante, mas principalmente para backup e outros fins a partição principal foi a unidade C, de cerca de 220 GB, onde o Windows 8.1 foi instalado.

Se você tiver apenas uma partição como este, você precisa fazer algum espaço livre para o Ubuntu. Se você tiver várias partições de tamanho considerável, usar qualquer um deles, exceto a unidade C porque pode apagar os dados.

Para fazer uma partição no Windows 8, ir para a ferramenta de Gerenciamento de Disco. Você pode encontrar ferramenta de gerenciamento de disco procurando por ‘disco’ no painel de controle.

disk_partition

Na ferramenta Gerenciamento de disco, clique com o botão direito do mouse sobre a unidade que deseja particionar e selecione diminuir volume . Nesse caso, encolher a unidade C para fazer algum espaço livre:
disk_partition_Windows8
Você pode deixar o espaço livre como ele está. Vamos usá-lo durante a instalação do Ubuntu.

Etapa 4: Desativar o Fast Startup no Windows [opcional].

Windows 8 introduziu um novo recurso chamado de “Fast Startup” para a inicialização rápida. Embora não seja obrigatório, seria melhor deixá-lo desativado.

Vá para Painel de controle> Hardware e som> Opções de energia> Configurações do sistema> Escolha o que os botões de energia e desmarque a caixa Ligar o arranque rápido.

Se você precisar de mais dicas, siga este tutorial para desativar a inicialização rápida no Windows .

Passo 5: Desativar o Secure Boot no Windows 10 e 8.1

Este e o passo mais importante. O novo recurso de Secure Boot (inicialização segura) do Windows 8, previsto inicialmente para o recurso de segurança para vírus rootkit, impede dual boot do Windows com o Linux. Para dual boot do Windows 8 com Ubuntu, devemos desativar o secure boot em UEFI.

Passo 6: Instalar Ubuntu junto com o Windows 10, 8.1

Uma vez que você tenha desativado o secure boot, é hora de instalar o Ubuntu. Conecte o Pendrive USB e iniciar o sistema a partir dele.

Para iniciar a partir do Pendrive USB, terá que escolher na inicialização opção Pendrive USB a partir de dentro do próprio Windows. Ou com definição do PC (como por UEFI) ou pressionando a tecla Shift enquanto clicar em Reiniciar.

Após iniciar no Pendrive USB, você será presenteado com a opção de experimentar ou instalar o Ubuntu. Clique em instalar. Você será apresentado com algumas opções de tela para escolher o idioma. Ela irá então fazer algumas verificações no espaço disponível, energia e conexão à internet etc. Apenas clique em Continuar.

 

Installing_Windows8_Ubuntu

A tela principal que você deve prestar atenção é o tipo de instalação. Escolher algo mais aqui:

Installing_Windows8_Ubuntu_1

Lembre-se que tínhamos criado algum espaço livre de antemão? Vamos usar o espaço livre para criar as partições /root, swap e Home. Selecione o espaço livre e clique no sinal de +.

Installing_Windows8_Ubuntu_2

Ele irá fornecer-lhe a opção para criar partições Linux. Então vamos criar a partição raiz. Qualquer coisa entre 10-20 GB é mais que suficiente para ele. Escolha o tamanho, seleciona Ext 4 como tipo de arquivo e / (significa raiz) como o ponto de montagem.

Installing_Windows8_Ubuntu_3

Ao clicar em OK na etapa anterior o levará para a tela de partição. Em seguida, vamos criar swap. Como anteriormente, clique no sinal + novamente. Desta vez, use o tipo de arquivo como a área de swap. tamanho de swap como sugestão é o dobro de memória RAM.

Installing_Windows8_Ubuntu_4

De maneira semelhante, criar uma partição Home. Atribuir-lhe o máximo de espaço (na verdade alocá-lo restante do espaço livre), porque é aí que você vai economizar música, fotos e arquivos baixados.

Installing_Windows8_Ubuntu_5

Quando estiver pronto com Root, Swap e Home, clique em Instalar Agora:
Installing_Windows8_Ubuntu_6

 Nota: Não é preciso criar uma partição marcada como tipo efi, porque o instalador do Ubuntu irá usar a partição efi do Windows. Que toma o lugar do tradicional partição /boot. Esta é realmente a partição efi, que contém os programas do gerenciador de inicialização para sistemas operacionais instalados que suportam UEFI.

Bem, você ter quase ganhou a batalha. Em seguida, você será solicitado a definir nome de usuário senha etc. Basicamente, você só precisa clicar próxima agora.

Quando a instalação estiver concluída, reinicie o computador, você deve ser recebido por uma tela roxa do Grub. Desfrute Ubuntu junto com o Windows 8 no modo dual boot.

Configurando o UEFI/BIOS para recuperar o Grub.

Se após a instalação do Ubuntu, você inicializar diretamente no Windows, verifique nas configurações do UEFI no seu notebook para alterar a ordem de inicializacão. Em UEFI, e como GRUB, tem uma ordem de inicialização.

Telas do Bios do Notebook Dell Inspiron 7437.

Para entrar no SETUP use a tecla F2, para acessar o Boot Menu, use a tecla F12.

1-dell-bios-screen

Tela do Boot Manager (Tecla F12). O Secure Boot está ativado.

2-vlcsnap-2015-02-26-02h38m50s185

Tela do UEFI BIOS (Tecla F2).

3vlcsnap-2015-10-31-19h24m43s840

Tela de configurações do Boot UEFI, com Secure Boot ativado.

4-vlcsnap-2015-10-31-19h26m47s959

Se você não vê nenhuma opção para definir o boot para Ubuntu, você precisa corrigi-lo de dentro do Windows. Quando você está na área de trabalho do Windows, clique no menu, e depois clique e selecione prompt de comando (é necessário ter privilégios de administrador). Em seguida, execute o seguinte comando:

bcdedit /set "{bootmgr}" path \EFI\ubuntu\grubx64.efi

Isso deve tornar o padrão Grub e, portanto, você pode acessar tanto o Ubuntu ou Windows a partir do meno do Grub.

Espero que este guia possa lhe ajudar a usar o Ubuntu dual boot com o Windows 10 UEFI. Embora este artigo é escrito para o Ubuntu, deve ser útil para outro sistema operacional Linux também.

Fonte: It’s F.O.S.S.

Leia também: Gerenciamento de carregadores de inicialização EFI para Linux

Até a próxima!